quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Glamour do glitter fácil de retirar

Bom dia minhas lindas!!!
Semaninha curta, feriadão chegando, arrumando a mala pra encontrar o maridão que já está na praia (inveja mode on!!!). Só espero que esteja Sol, então não vou me arriscar a usar um esmalte holográfico, por que parece que não é mito o quanto o holográfico chama chuva, né??? kkkkkkkkkkkkkkkkk
Bom, o assunto de hoje é sobre a técnica da cola, que facilitou muuuuito a vida das meninas que aaaddddoooorrrraaaaammmm esmaltes com glíter como eu. O esmalte com glíter é lindo, chama a atenção, aquece o coração, mas na hora de retirar... haja removedor de esmalte, tempo e paciência né???
Há um tempo atrás surgiu na internet uma base da Essence chamada Peel Off para passarmos quando fôssemos usar um esmalte com glítter, só que como toda novidade, demora  muito pra chegar às terras tupiniquins. Mas brasileiro, graças a Deus, é um povo criativo e aí, analisando a composição desta base, descobriu-se que ela é muito semelhante à fórmula da cola branca escolar. Siiim, essa mesma que a gente passava na mão quando criança e tirava puxando como pele. (Tomara que meus pais não leiam esse post, adorava gastar cola branca assim!!! kkkkkkkkk) Bem, ela é atóxica (a legislação brasileira exige), por uma razão muito simples: todos sabemos que criança adora colocar tudo na boca, então, se ela ingerir essa cola não fará mal algum à ela. Vamos combinar, se não faz mal à criança ao ingerir não poderá fazer mal às nossas queridas garras, não é???
Somos extremamente criativos e curiosos, então, após a descoberta os blogs começaram a bombar com essa técnica e ela dá muito certo, às meninas que têm medo de passar a cola por cima da própria unha (apesar de não fazer mal algum) pode passar uma base comum em cima da unha e depois passar a camada de cola por cima.

Algumas dicas básicas para esse caso:
1. Para facilitar a passada de cola na unha pode-se colocá-la dentro de um vidrinho de esmalte vazio, assim temos o pincelzinho que ajuda muito;
2. Pode-se passar a cola com um pincel macio qualquer;
3. Se a cola for muito grossa, pode-se diluí-la com um pouco com água deionizada ou mineral, só o suficiente para que ela fique um pouquinho mais fluída;
4. Importante deixar que a cola seque muito bem antes de colocar a camada de esmalte, caso contrário, quando a cola secar irá enrugar o esmalte.
5. Passar a cola na unha como passamos o esmalte, limpar os excessos e depois com um palito e algodão úmido com água na ponta limpar toda a volta para não ficar resíduo de cola. 

A foto da tão famosa base importada e a cola branca num vidrinho de esmalte vazio. Eu comprei a base da Essence, é ótima, mas, sinceramente falando, ainda prefiro fazer a técnica com a cola branca, fica muito melhor.



Vamos às fotos da técnica que tem muita foto e o post já está enorme:
Primeiro passa-se cola branca na unha, tomando o cuidado de limpar todos os excessos. Normalmente fica melhor passando 2 camadas de cola. Na foto abaixo dá pra ver as unhas com cola, já até começando a secar e as outras com base comum.


Escolhi o Fagulha da Colorama e o Glitter Ball da Eliana (de fábrica nova, agora quem fabrica os esmaltes dela é a Dote).


                                                               Fotos com flash


                                                          Fotos com luz natural.


Bom, as fotos não mostram a cor real do Fagulha, ele é um laranja mais queimado, quase uma cor de tijolo, mas nas fotos ele fica bem mais alaranjado. Consegui um tom mais aproximado fotografando em ambiente interno, durante o dia, sem flash.


Bom, agora a parte mais legal da técnica toda, a retirada desse glítter. Com um palito, ou espátula, ou a ponta de outra unha pressiona-se o cantinho da unha que está com a cola, ela irá soltar da unha, depois é só ir soltando até tirar o esmalte da unha toda.Na foto abaixo dá pra ver direitinho a unha e o esmalte com a cola grudada.


Agora vejam que legal, os esmaltes das 4 unhas em que usei a cola todos inteirinhos na minha mão e a unha limpinha, removedor de esmalte só pra tirar algum resíduo que ficar.


Ah, antes que eu me esqueça, essa técnica também dá pra ser usada com aquele esmalte lindo, que a gente ama quando passa, mas odeia quando vai retirar pois ele mancha toda a cutícula e pele do dedo e a gente tem que usar um monte de algodão e esmalte até deixar os dedos limpinhos. Pois é, acabou-se o problema, curtam o lindo e retirem ele em lascas. kkkkkkkkkkkkkkkkk

Por hoje é só, espero que tenham gostado e desculpem o post imenso, mas não consegui fazer menor. Sei que para muitas essa técnica não é novidade, mas foi uma solicitação de uma amiga muito querida Viviane Bomfim (sim, com M antes do F, saudades monstro de você linda!!!), mas também sei que será muito útil para outras meninas também.

Beijocas, aproveitem o feriadão que quinte-feira que vem tem mais!!!




4 comentários:

  1. Essa técnica é tudo de bom né?
    eu já usei uma vez.. mas passei com o dedo mesmo hahaha não me liguei de colocar num vidrinho vazio (ponto pra Shirley hahaha)
    adorei a esmaltação.. esse tom tijolo ficou lindo... eu usei outro dia o savana da fina flor, bem parecido..

    beijos meninas...
    beijão Shirley!

    até mais!

    http://charmynail.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. To doida pra experimentar essa técnica ainda to no papel laminado.. com toda certeza essa é beem mais prática, ameii
    bjoss

    ResponderExcluir
  3. Então eu adorei!!!! Fica perfeito, achei que a unha ficava com aquela camada hiper grossa. Obrigada, Shirley. Me senti lisonjeada, kkk. Vou mandar um monte de pedidos(aguenta!!!) Continuo adorando seus posts, estou aqui fielmente toda quinta (e nos outros dias também, rsrs) Saudades?? Imagina..quem? Eu??? Mortinha. Beijos.
    Ótimo feriado.

    ResponderExcluir
  4. Adoreisar glitter nazunhas...rsrsrs....bjosima vez que usar glitter nazunhas...rsrsrs....bjos

    ResponderExcluir